Altos Corvo Branco aos poucos vai se consolidando

Urubici – A Serra do Corvo Branco, em Urubici, será dotada de um complexo com restaurante, cafés, lojas, cinema e passarela de vidro. Essa é a informação divulgada no dia 17 de fevereiro por empresários, mas praticamente nenhum detalhe do empreendimento é conhecido. E essa situação deve permanecer, ao menos por enquanto.

O gerente do Parque Turístico Altos Corvo Branco, André Monsores, informa que o projeto não foi divulgado porque está em fase de obtenção das licenças necessárias para o andamento do projeto. “Assim que houver um cronograma das obras, a imprensa será informada.”

Ele reforça as informações repassadas naquela data. Trata-se de um receptivo com lojas, sala de cinema com realidade virtual, estacionamento, restaurante, lojas e cafés. O local é onde já funciona o Parque Turístico Altos do Corvo Branco, a qual tem seis mirantes com vista panorâmica para os principais pontos de Urubici. O local fica no acesso a partir da rodovia SC-370, ao lado do Corte da Serra do Corvo Branco. “Além do receptivo, iremos construir uma passarela de vidro com 110m de extensão e 250m de altitude, entre um cânion sobre a Serra do Corvo Branco”, comenta André.

A arquiteta responsável pelo projeto, Dinah Marcia Nazari de Souza, explicou que ele é tão inovador, que nenhuma árvore será suprimida durante a execução do empreendimento.

Clique Aqui e conheça mais do Projeto

Turismo na Serra

A turismóloga da Amures, Ana Vieira, afirma que a divulgação feita sobre o Altos do Corvo Branco, foi apenas o que o empresário autorizou. “Eles estão aguardando a autorização do Instituto do Meio Ambiente (IMA) e, por isso, ainda não foi divulgado, pois o projeto ainda está sendo avaliado.”

Conforme a Amures, o empresário mantém reservadas as informações e detalhes dos ambientes que estão sendo projetados. Mas o presidente do Conserra, Eliseu Farias, avalia que o futuro equipamento turístico será referência para a Serra Catarinense. “Digo mais. Não há nada que se compare a este atrativo no Brasil. É bom podermos contar com pessoas com esta dedicação e foco no negócio”, comentou Eliseu.

Ana Vieira também avalia que o novo empreendimento trará um grande impacto para a região. “É muito importante esses empreendimentos para a Serra Catarinense. A região precisa equipamentos de lazer, que são fundamentais para desenvolver o turismo”, afirma.