Colecione momentos

Publicado por Coluna Suzi Aguiar
PDF
Imprimir
Sex, 07 de Junho de 2019 11:54
Não busco a felicidade. Faz muito tempo que descobri que ela não existe no formato de plenitude. Não é algo que se possa atingir de verdade. Não, não sou pessimista, esta visão é fruto da maturidade mostrando que a beleza da vida está nas pequenas coisas.

Passei muito tempo dando valor demasiado aos problemas, lamentando as impossibilidades cotidianas. Dei valor exagerado ao que as pessoas podiam pensar sobre mim e sublimava as coisas que eu não tinha, achando que se tivesse seria mais feliz.

Já realizei muitos sonhos, uns grandes, outros nem tanto. Mas descobri que não preciso de muitas coisas para estar bem. E a maior alegria foi me perceber deixando de ser tão sonhadora e passando a colecionar momentos. Eles são tantos a cada novo dia! Basta estar aberta a enxergar felicidade nas pequenas coisas.

Acordar ao lado de quem se ama, receber um sorriso de bom dia e um “te amo, sabia?” de alguém com quem partilha a vida há várias décadas só pode encher o coração de alegria, não?

Como é bom depois de dias de chuva ver com o sol radiante! Boralá levantar-se assoviando e partir para o tanque lavar roupas, arejar a casa. Enquanto a chaleira chia o telefone toca. Vou ter visitas de pessoas muito amadas. Pode haver momentos mais felizes do que um pinhãozinho na chapa, uma mesa farta e muitas risadas em torno dela?

Agora mesmo, bem aqui ao lado da janela de minha cozinha, os passarinhos voam e, saltitantes, pousam para beliscar a comidinha que colocamos para eles todas as manhãs. São canarinhos amarelos, os meu preferidos, gralhas muitos azuis e tantos outros que deixam meus dias mais alegres. E o que dizer de receber a visita matinal de uma família de 4 seriemas para comer milho no meu jardim? Elas são lindas, esguias e imponentes! Paro no tempo para contemplá-las.

E como é bom escolher um presente para alguém muito especial! Pensar no que ela gosta, no tempo que vocês partilham uma convivência de quase irmãs e no sorriso que lhe abrirá ao sentir-se tão querida? Fala aí, momentos assim também são prazerosos para você?

O que dizer então da maravilha em ouvir o neto dizer: “vovó, vem me contar uma historinha”. Ao lado dele tenho os momentos mais felizes!

Coleciono jantarzinhos com amigos, o sabor doce da caipirinha de vinho que me faz rir à toa. Guardo frases dos meus autores preferidos e espero ansiosa quando o telefone toca encurtando longas distancias e trazendo bem para perto aqueles que mais amo.

O dia está repleto de momentos que podem não ter significado para alguns, mas que para mim são uma soma simples de um dia feliz, de uma coleção que só aumenta.

Que tal colecionar os teus momentos de felicidade?
 
 
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

2011 Rodrigo Produções Internet Design - Tecnologia Progressiva para a Internet