Obras na BR-285 são retomadas e Serra da Rocinha volta a ser interditada

Santa Catarina – Após recesso de final de ano, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e o consórcio construtor (SETEP/IVAÍ/SOTEPA) retomou as obras de implantação e pavimentação da BR-285, que liga Santa Catarina e Rio Grande do Sul. O foco dos trabalhos está nos trechos recentemente liberados no Contorno de Timbé do Sul (SC).

A Serra da Rocinha, por sua vez, volta a ter o trânsito interditado para sequência da pavimentação em concreto. Foi restabelecido o sistema de comboio nas segundas e sextas-feiras para usuários cadastrados nas prefeituras de São José dos Ausentes (RS) ou Timbé do Sul, implantado em outubro após protesto de moradores e empresários da região.

Com quatro quilômetros de extensão, o segmento do Contorno tem início nas proximidades do pórtico de entrada do município e segue até a interseção com a Vila Belmiro. Cerca de 2,2 quilômetros já estão pavimentados e com sinalização implementada, enquanto o 1,8 quilômetro restante estava condicionado à efetivação dos processos indenizatórios. A partir dos acordos celebrados no mutirão de desapropriação realizado em outubro de 2019, a maior parte das áreas foi liberada para sequência das obras.

Na sexta-feira (10 de janeiro), o Consórcio Construtor do Lote 2 deu início às atividades no km 34+200. A remoção da cobertura vegetal é a primeira etapa a ser executada, exigindo do empreendedor a adoção de uma série de medidas mitigadoras dos impactos ambientais previstas no licenciamento, desde cuidados com a flora e a fauna até o monitoramento de evidências arqueológicas. As ações são executadas ou supervisionadas pela Gestora Ambiental (STE S.A.) do empreendimento.

Em janeiro de 2017, houve no Contorno o salvamento de dois sítios arqueológicos, nos quais foram encontrados materiais de pedra lascada e polida denominados artefatos líticos, os quais indicaram a presença de sociedades indígenas pré-coloniais na região.

Rotas alternativas à Rocinha

– RS-110, que liga os municípios gaúchos de Bom Jesus e Terra de Areia (na BR-101) pela Rota do Sol.

– RS-020 em direção a Cambará do Sul, cujo acesso pela BR-285 fica a cerca de quatro quilômetros da divisa entre RS e SC, devendo o motorista seguir pela Serra do Faxinal (RS-427 e SC-290) até Praia Grande-SC.

– BR-116, de Vacaria-RS a Lages-SC, seguindo pela SC-114 passando por São Joaquim e SC-390 Serra do Rio do Rastro até a BR-101 em Içara-SC ou Sombrio-SC.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
Tráfego será liberado à noite durante o Rodeio de São José dos Ausentes

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) irá liberar parcialmente a Serra da Rocinha durante a realização do 41º Rodeio Crioulo Nacional de São José dos Ausentes (RS).

De acordo com o DNIT, entre os dias 16 e 19 de janeiro, o tráfego de veículos leves será permitido todas as noites, no horário das 18h às 7h, e o Consórcio Construtor do Lote 2 adotará as providências de segurança e a sinalização necessárias.

Ainda de acordo com o órgão, o tradicional evento ocorrerá no Parque de Rodeios Hercilino Batista Nunes com programação de provas campeiras e atividades culturais.

A Serra da Rocinha integra as obras da BR-285/RS/SC, em Timbé do Sul (SC), e encontra-se atualmente na etapa de pavimentação em concreto. O DNIT reforça que haverá trechos em meia pista e que, devido à largura da plataforma da estrada reduzida, a passagem de veículos de grande porte (caminhões e ônibus) não será permitida.

Mais informações: DNIT ligue gratuito na ouvidoria: 0800 60 21 285.